Jun 21, 2014

a Custo, vai ao Lidl

toda a gente conhece a Custo Barcelona, certo?




















e toda a gente conhece o Lidl, verdade?




















e agora pergunto, o que é que estas duas marcas têm de comum?

eu diria que rigorosamente nada...

mas, afinal, têm uma coleção de roupa: a "Growing by Custo" desenvolvida exclusivamente para o Lidl

OMFG.




































este movimento, para mim, é surpreendente (e não no bom sentido)!! o universo do Lidl não tem nada a ver com o da Custo: as marcas oferecem produtos diferentes, têm estratégias de pricing diferentes, dão experiências de consumo diferentes, têm valores e associações diferentes e estão em indústrias completamente diferentes

mas não é mau de todo... esta estratégia de co-branding, aos meus olhos, só não faz sentido do lado da Custo. Eu entendo a perspectiva do Lidl e de como a marca está a tentar oferecer roupas de qualidade, tais como as da Custo, a preços mais baixos. Faz sentido

mas não o contrário. A Custo está a tentar chegar a um leque mais amplo de consumidores, mas são consumidores que dificilmente vão trazer valor acrescentado à marca... As roupas criadas para o Lidl são mesmo muito mais baratas do que as roupas normais nas lojas da marca. Um vestido Custo no Lidl custa 17,99 €, enquanto um vestido Custo Dalmau pode custar entre os 65 € e os 250 €. O que é que a marca e o consumidor padrão da Custo ganham?

aqui entre nós, só vejo que a Custo ganhe numa espécie de negócio entre departamento de compras... com a coleção vendida à cabeça ao Lidl, estando do lado do Lidl o "esforço" de escoar a coleção; é dinheiro em caixa para a Custo, à conta de um arranhão (bem grande) na marca...

a Custo deveria ter procurado uma marca com a qual partilhasse um universo semelhante e com a qual fosse possivel criar associações mais relevantes. O Lidl sai melhor da figura que a Custo, digo eu. O que acham?

No comments:

Post a Comment